01 setembro 2015

[RESENHA] O garoto quase atropelado



Autor(a): Vinicius Grossos
Editora:Faro editorial
Número de páginas: 271
Ano de lançamento: 2015
Sinopse: Um garoto sofreu com um acontecimento terrível. Para não enlouquecer, ele começa a escrever um diário que o inspira a recomeçar, a fazer algo novo a cada dia.
O que não imaginou foi que agindo assim ele se abriria para conhecer pessoas muito diferentes: a cabelo de raposa, o James Dean não-tão-bonito e a menina de cabelo roxo, e que sua vida mudaria para sempre!
Prepare-se para se sentir quase atropelado de uma forma intensa, seja pelas fortes emoções do primeiro amor, pelas alegrias de uma nova amizade ou pelas descobertas que só acontecem nos momentos-limite de nossas vidas.
Estar vivo e viver são coisas absolutamente diferentes!

   Quando recebi esse livro,eu já tinha sido avisada que ele tinha uma pegada semelhante ao livro "As vantagens de ser invisivel",e como eu já tinha lido ele,não esperava me prender ou me surpreender tanto na história,mas foi exatamente o contrário que aconteceu,e sinceramente me surpreendi muito.

    As semelhanças existem e são muitas,só que o "garoto atropelado" demonstra sentimentos e confusôes de uma forma mais crua, mais real,então começamos com uma história que parecia ser algo tipico de adolescentes e nos vemos no meio de uma trama intensa que faz a gente refletir sobre um bocado de coisas em nossa vida.Em meio á diálogos banais por vezes inteligentes,encontramos uma certa sabedoria que realmente faz a gente pensar.

      Encontramos também a parte da identificação,porque quem nunca teve aquela amizade inseparavél ou aquele amor inabalável que parecem mil vez mais intensos em nossa adolescência,o enredo também  trata de aparências,nem tudo é o que parece,felicidade e liberdade podem ser apenas fachadas na vida de algumas pessoas.

      A perda é outro fator importante no enredo,como a homofobia e outros transtornos,o que acrescenta uma reflexão maior ainda,apesar da leveza em sua narrativa,há um drama muito presente na narrativa,causando uma montanha russa de emoção no leitor.

   Ah! E por último,mas não menos importante,há a parte musical do livro que é vem variada,com certeza vai ter aquela música que você vai colocar em sua playlist!

   Enfim," O garoto quase atropelado"  é um livro que traz assuntos atuais,mas acima de tudo que fala de perdas,amores,amizades e abusos de uma forma sensivelmente bela em todos os sentidos.
imagem-fundo imagem-logo